Revista Ação Ergonômica
https://revistaacaoergonomica.org/article/627d590aa953950648500a63
Revista Ação Ergonômica
Artigo de Pesquisa

ATIVIDADE JANGADEIRA: ANÁLISE DA ATIVIDADE E DOS ASPECTOS AMBIENTAIS NA PRAIA DE PONTA NEGRA, NATAL-RN

N/A

Joyce Elanne Mateus Celestino, Maria Christine Werba Saldanha, Maria Karen da Costa Mattos

Downloads: 0
Views: 263

Resumo

A pesca artesanal realizada com jangadas no Rio Grande do Norte, segundo dados estatísticos do IBAMA (2008), representa cerca de 12,10% do volume anual de pescado (2.175 T), a qual vem requisitando a sustentabilidade para o alcance de melhorias ambientais e socioeconômicas no desenvolvimento da pesca, pois é marcada por problemas ambientais como, alterações no mar, poluição e sobrepesca. Assim esta pesquisa objetiva analisar a atividade jangadeira na Praia de Ponta Negra em Natal-RN, com ênfase na interferência dos aspectos ambientais na execução desta atividade, para que se possa propor melhorias recíprocas na interface do homem com o meio ambiente. Para tanto, utilizou-se uma metodologia baseada na Análise Ergonômica do Trabalho e no estudo dos aspectos/impactos ambientais. Como resultados, constataram-se a partir das observações sistemáticas e dos relatos dos jangadeiros: mudanças no mar, a busca por pesqueiros mais distantes da costa, redução da produção pesqueira, geração de resíduos e poluição do ambiente de trabalho, e a dificuldade no atracamento das jangadas. Fatores decorrentes das pressões exercidas tanto pela sociedade, quanto pela atividade jangadeira, que denotam a baixa consciência dessa população voltada à sustentabilidade do meio ambiente, por conseguinte, a necessidade da elaboração de propostas de recomendações e ações, visando transformações positivas na atividade jangadeira de Ponta Negra.

Abstract

The fishing rafts carried out in Rio Grande do Norte, according to statistics from IBAMA (2008), representing approximately 12.10% of the total annual catch (2,175 t), which is requesting to achieve sustainable environmental improvements and socioeconomic development of fishing as it is marked by environmental problems such as changes in the sea, pollution and overfishing. Thus this study aims to analyze the activity fisherman on the beach of Ponta Negra in Natal, with emphasis on environmental aspects of interference in the execution of this activity, that they may propose reciprocal improvements in the interface between man and the environment. To this end, we used a methodology based on Ergonomic Analysis of Work and study the aspects / impacts. As a result, it appears that from the systematic observations and reports of fishermen: changes in the sea, the search for fishing farther from shore, reducing fishery production, waste generation and pollution of the work environment, and the difficulty of the docking rafts. Factors arising from pressures both for society as Seen by the fisherman, which denote the low awareness of this population focused on environmental sustainability, hence the need to prepare recommendations and proposals for actions aimed at positive changes in the activity fisherman from Ponta Black.

Keywords

Activity fisherman, Artisan Fishing, Rafting the Rio Grande do Norte
627d590aa953950648500a63 abergo Articles
Links & Downloads

R. Ação Ergon.

Share this page
Page Sections